A oportunidade

Certa vez, um anjo vestiu-se de rei e resolveu visitar as pessoas na periferia da cidade. Num certo local da cidade, encontrou um mendigo que estava  andando com um prato de arroz na mão e,  quando este parou ao seu lado, o rei disse:

 – Dê-me um pouco do seu arroz.

 O mendigo, então, olhou para o rei e pensou: – Ele pode ter tudo o quiser… – e foi bem mesquinho. Pegou num único grão de arroz e deu ao rei.

 O rei, então, fechou o grão dentro da mão do mendigo, tocou o seu cavalo  e foi-se embora. Quando o mendigo abriu a mão, levou um susto.  O grão de arroz tinha-se transformado numa pepita de ouro.  Nesse momento, o mendigo olhou para o prato de arroz e saiu  a correr atrás do rei, dizendo:

– Por favor, majestade, pare! Mudei de ideias, tome mais do meu arroz!!! 

 Então, o rei disse: – Não! Você já recebeu tudo aquilo que investiu na vida, de bom grado e de bom coração. O que se recebe da vida  é aquilo que nela se investe primeiro, nem mais, nem menos. É a lei.

“O Homem só pode receber aquilo que ele próprio dá.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: